Existe uma tradição milenar chinesa, praticada há mais de 4000 anos, que estuda a disposição de edificações e de cômodos de uma residência com o objetivo de melhorar a circulação energética e promover o equilíbrio através de vibrações positivas. A técnica é o Feng Shui — que ao pé da letra significa “Vento e Água” e, aliada à Arquitetura e Design de interiores, transforma a atmosfera do ambiente.

 

Especialistas em Feng Shui fazem uma análise completa de cada cômodo por meio do baguá, o mapa dos centros de energia da casa que considera todos os espaços e cada segmento da vida de seus moradores. A partir desse mapa é possível identificar suas forças e fraquezas, os pontos de energias positivas e nocivas e, então, indicar as mudanças que precisam ser feitas para harmonizar o ambiente e melhorar a qualidade de vida dos que ali vivem. Iluminação, organização, decoração, circulação de ar… tudo isso pode influenciar.

 

Acupuntura para casa

 

Basicamente, a finalidade do Feng Shui é preservar as influências positivas presentes em um ambiente e redirecionar as negativas para o lado de fora.

 

Os efeitos que o Feng Shui traz para a casa são semelhantes aos que a acupuntura promove na gente: assim como o acupunturista identifica no corpo de seus pacientes pontos onde a circulação de energia está bloqueada, aplicando as agulhas para liberar esses nós, o especialista em Feng Shui detecta influências visíveis e invisíveis em um ambiente, indicando elementos, objetos, hábitos e práticas que alteram a dinâmica energética.

 

Cada cômodo, um cômodo

 

Dentre essas medidas que devem ser adotadas para que o astral do ambiente se eleve, existem as que são propícias para cada cômodo, podendo variar também de acordo com o quê se pretende alcançar com essas mudanças. Quartos, banheiros, cozinhas; prosperidade, trabalho, saúde. Para diferentes finalidades, diferentes soluções.

 

Embora tenhamos essas diferenciações, um fator é central e fundamental para a efetivação do Feng Shui: a presença equilibrada dos 5 elementos básicos da natureza Objetos que remetam à água, fogo, metal, terra e madeira devem compor a decoração porque, juntos, alteram as vibrações do ambiente em questão. É muito importante que essa distribuição seja feita em equilíbrio porque o excesso ou a falta de algum elemento pode prejudicar o trânsito energético.

Os 5 elementos

Cada um desses elementos promove um tipo de transformação.

Água

Remete ao relaxamento, reflexão e sabedoria. Seu excesso traz sensação de insegurança e medo. Objetos com curvas em suas formas, aquários e fontes, bem como plantas em vasos de vidro e o uso das cores azul escuro e preto ativam a potência da Água.

Fogo

Está ligado ao movimento, ao calor e à coragem, mas em excesso pode causar desconforto e agressividade. Para ativar, recomenda-se o uso de cores quentes, plantas com folhas pontiagudas e objetos triangulares.

Metal

Elemento associado à força, controle e comunicação, mas em excesso pode pesar o ambiente com sensações de perigo e tristeza. Objetos arredondados, de vidro, mármore ou metal ativam seus poderes. As cores associadas são o branco e o prata, e a flor é o Jasmim.

Terra

No Feng Shui, a terra representa estabilidade e beleza. Seu excesso pode trazer ansiedade e antecipação de problemas. Sua ação é ativada por meio de móveis rústicos, formas quadradas e objetos de cerâmica. Cores terrosas, como laranja e marrom, são propícias e as flores amarelas, como o girassol.

Madeira

A madeira se associa à criatividade, persistência e crescimento pessoal. Flores no geral (em vasos ou representadas em quadros), objetos de madeira e tapetes de juta ativam suas funcionalidades. A cor que representa esse elemento é o verde.

Dicas para você usar em casa

 

 

Para a vida e os lares contemporâneos, existem várias dicas de Feng Shui fáceis de serem aplicadas e que vão trazer harmonia e equilíbrio para você, seu corpo, mente e casa. Confira algumas delas:

Não bloqueie a entrada da casa

A porta de entrada é o principal canal do fluxo energético que circula entre a rua e o interior da residência. É ali que sua casa se protege de energias externas desnecessárias, bem como dá as boas-vindas a quem chega. Por isso, nenhum obstáculo  deve atrapalhar a abertura da porta e a entrada dos moradores e visitantes.

Insira todos os elementos

Tente manter o equilíbrio entre os 5 elementos dispondo objetos referentes a cada um em todos os cômodos da casa.

Mantenha a porta do banheiro fechada

O banheiro é um caso bastante peculiar. É ali onde nos livramos das impurezas, daquilo que nosso corpo não mais precisa. É recomendável não apenas manter a porta fechada, como também a tampa do vaso sanitário abaixada.

Jogue fora objetos quebrados

Sem apego e sem acúmulos. Objetos quebrados anulam energias positivas e acumular tralhas retém e bloqueia a circulação energética. Deixe o ar circular e livre-se do que não funciona mais.

Espalhe cristais pela casa

As propriedades dos cristais trazem vários benefícios, dentre eles a purificação e o bloqueio de energias pesadas. Acender incenso também é uma boa dica para harmonizar o ambiente e acalmar os ânimos.

 

Que tal começar a praticar o Feng Shui agora mesmo? Não deixe de contar pra gente nos comentários as transformações que você sentir na sua casa e na sua rotina 😉